SOLUÇÕES TECNOLÓGICAS 

Prestação de serviços de apoio ao cliente desde levantamento das necessidades do cliente, passando pela escolha do equipamento ideal e do software capaz de atendê-lo, até a assistência técnica e manutenção na etapa Pós-Venda. Essas etapas incluem:

Levantamento dos equipamentos necessários;
Levantamento de preços juntamente com empresas parceiras;
Organização e métodos para efetuar uma implantação organizada, produtiva obtendo os melhores resultados;
Instalação e configuração de sistemas;
Treinamento a nível gerencial e operacional;
Assistência técnica, suporte e manutenção pós venda;      

SUPORTE TÉCNICO  

Este serviço, consiste em atendimento especifico ao cliente, para sanar dúvidas e solucionar problemas encontrados na utilização dos sistemas, que possam vir a ocorrer por fatores externos, tais como: Má utilização dos sistemas, problemas com o S.O, problemas com o hardware, vírus etc.

QUAL É O PAPEL DO SUPORTE TÉCNICO?

Orientar e tirar dúvidas quanto ao uso e operação do sistema, com o objetivo melhorar o aproveitamento da tecnologia.
Identificar e prever possíveis problemas, resolvê-los quando identificados.
Orientar o cliente, sobre métodos seguros em nível de software e hardware, para obter a segurança de seus dados;
Efetuar a manutenção preventiva, que consiste em verificação superficial do equipamento, verificação do sistema e do banco de dados, corrigindo possíveis erros.
Atualizar o sistema, liberando novas versões sempre que julgar necessário.

ANÁLISE FINANCEIRA

Este serviço consiste num conjunto de práticas que visam estruturar a administração financeira de sua empresa, preservando um alto nível de rentabilidade e segurança, englobando:

- Plano de contas;

- Análise de fluxo de caixa;

- Determinação do nível ideal de capital de giro;

‘- Análise de políticas de estoques, cobrança e créditos;
- Compras;
- Vendas;

Com um bom plano de contas, fica fácil analisar e organizar toda parte financeira de uma empresa, preincipalmente quando se está passando por uma crise financeira, identificar quais são os "ralos" por onde estão "vazando" o dinheiro de sua empresa.

PORTAL DO EMPREENDEDOR

        ENTENDA O QUE É?

                       Atividades Permitidas

O Empreendedor Individual é a pessoa que trabalha por conta própria e que se legaliza como pequeno empresário. Para ser um empreendedor individual, é necessário faturar no máximo até R$ 60.000,00 por ano, não ter participação em outra empresa como sócio ou titular e ter um empregado contratado que receba o salário mínimo ou o piso da categoria.

A Lei Complementar nº 128, de 19/12/2008, criou condições especiais para que o trabalhador conhecido como informal possa se tornar um Empreendedor Individual legalizado.

Entre as vantagens oferecidas por essa lei está o registro no Cadastro Nacional de Pessoas Jurídicas (CNPJ), o que facilitará a abertura de conta bancária, o pedido de empréstimos e a emissão de notas fiscais.

Além disso, o Empreendedor Individual será enquadrado no Simples Nacional e ficará isento dos tributos federais (Imposto de Renda, PIS, Cofins, IPI e CSLL).

Pagará apenas o valor fixo mensal de R$ 32,10 (comércio ou indústria) ou R$ 36,10 (prestação de serviços), que será destinado à Previdência Social e ao ICMS ou ao ISS. Essas quantias serão atualizadas anualmente, de acordo com o salário mínimo.

Com essas contribuições, o Empreendedor Individual terá acesso a benefícios como auxílio maternidade, auxílio doença, aposentadoria, entre outros.

Para impressão do carnê de pagamento, clique aqui:PGMEI

 
 

 


Fazemos Abertura de Empresas e Cuidamos de Rotinas Administrativas.

Atividades de Contabilidade.

Preparação de documentos e serviços especializados de apoio administrativo.